Deus Busca, Não Importa Onde – 2


Eu mesmo apascentarei as Minhas ovelhas e as farei repousar, diz o Senhor Deus. Ezequiel 34:15

Era uma tarde de agosto, quando um senhor loiro, usando chapéu de abas largas, chegou à sede da Missão em Goiânia, e pediu para falar comigo. Era Carlos Rodolfo Wallauer.

Entrou na minha sala e foi logo dizendo por que viera. Entregou-me uma quantia em dinheiro que, segundo ele, era o dízimo acumulado durante algum tempo e uma oferta para A Voz da Profecia. Contou-me sua história e pediu o batismo.

Foi uma agradável conversa, mesmo porque eu conheci alguns familiares seus em São Paulo, inclusive o Dr. Heber Maia de Matos, que era seu genro. Marcamos a data para o batismo e ele voltou alegre para seu rincão.

Um mês e meio depois, numa sexta-feira, juntamente com o irmão Alvino Xavier e sua esposa Maria José, ambos enfermeiros missionários, saímos de Santa Izabel, na Ilha do Bananal, com a lancha “Pioneira” e viajamos pelo rio Araguaia e rio das Mortes, entrando no estado de Mato Grosso, até alcançar o lugar onde passaríamos a noite. No dia seguinte, que era sábado, navegamos com um barco de alumínio a motor de popa, pois dali até ao lago das Tabocas só era possível navegar com barco pequeno.

Atravessando “furos” e igarapés, depois de duas horas e meia chegamos ao nosso destino.

Realizamos a Escola Sabatina, fizemos um culto e procedemos os votos batismais. Em seguida, entramos nas águas do Tabocas onde ambos, Carlos e Margarida, foram batizados.

Depois do almoço, realizamos a Santa Ceia e, em seguida, nos despedimos. À distância, nossos queridos irmãos ainda lá estavam acenando para nós. Deus os encontrou ali naquele “fim de mundo”, longe de tudo e de todos, e os convidou para fazer parte de Sua família.

Finalmente, Carlos e Margarida se mudaram para a cidade de Aparecida de Goiânia, onde colaboraram significativamente para a construção de uma igreja. Ali, Carlos passou seus últimos anos. Foi sepultado aos 84 anos de idade e, agora, aguarda o dia da ressurreição.

REFLEXÃO: “No tempo aceitável, Eu te ouvi e te socorri no dia da salvação” (Is 49:8).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: