O Inverso das Coisas


Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal; que fazem da escuridade luz e da luz, escuridade; põem o amargo por doce e o doce, por amargo. Isaías 5:20

Em outras palavras, o verso acima quer dizer: “Ai” dos que, com segundas intenções, invertem os objetivos corretos das coisas. “Quanto maior é o bem, maior o mal que da sua inversão procede”, conceituou Ruy Barbosa. Sobre isso, assim se expressou o general Carlos M. Matos, conselheiro da Escola Superior de Guerra: “O extraordinário avanço tecnológico traz consigo, quase sempre, um desvio perverso. Todo novo invento, junto de seu aspecto de benefício para a existência humana, traz também um descaminho.”

Um exemplo marcante e triste desses desvios é o que acontece com os recursos da informática. Ela proporciona muitas facilidades, mas também tem seu lado perverso, que é explorado por indivíduos de má índole. Eles ameaçam a segurança das nações, prejudicam empresas, cometem crimes, roubam contas bancárias e maculam a reputação de pessoas de bem.

Através de astutos agentes humanos, Satanás tem procurado deturpar todas as coisas que Deus tem propiciado para facilitar a vida das pessoas e colaborar com a pregação do evangelho eterno a todo o mundo. Apenas alguns exemplos: A energia atômica, que deveria ser exclusivamente para benefício da humanidade, tem sido usada como um dos mais poderosos meios de destruição em massa. O avião, que foi inventado para dar mais rapidez à locomoção do ser humano, está sendo usado como um dos meios mais sofisticados para ceifar vidas humanas. A televisão, que poderia ser uma força poderosa para educar a juventude e as pessoas em geral, tem sido usada como um tremendo veículo contra a moral e os valores da família, estimulando a traição, desonestidade, mentira, corrupção e violência.

Não podemos mudar o real objetivo das coisas, sem correr riscos. Não comer do fruto da “árvore da ciência, do bem e do mal” era vida; o mesmo fruto, porém, usado ao contrário das prescrições divinas, acarretou morte. Mesmo as coisas boas, usadas indevidamente, podem acarretar conseqüências desastrosas.

Sejamos cuidadosos para não inverter o real sentido das coisas estabelecidas por Deus. Podemos com isso prejudicar alguém.

REFLEXÃO: “Quem anda em integridade anda seguro, mas o que perverte os seus caminhos será conhecido” (Pv 10:9).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: