Coisas Comuns da Vida Diária


Nada há melhor para o homem do que comer, beber e fazer que a sua alma goze o bem do seu trabalho. No entanto, vi também que isto vem da mão de Deus, pois, separado deste, quem pode comer ou quem pode alegrar-se? Eclesiastes 2:24, 25

Deus quer participar da sua vida!

Deus quer participar de maneira próxima e prática nos detalhes de nossa vida diária porque Ele é um Deus presente. Ele Se preocupa, não somente com nosso bem-estar espiritual, mas também com nossa “prosperidade e saúde” (3Jo 2). Assim é com todas as necessidades comuns da vida, pois, separado dEle, “quem pode comer ou quem pode alegrar-se?” Ellen White diz que “Deus nos chamou para servi-Lo nos afazeres temporais da vida. Diligência nesta obra é tanto parte da religião verdadeira como a devoção” (Mente, Caráter e Personalidade, v. 1, p. 353).

Nosso Pai jamais deseja que nos afastemos das coisas comuns da vida. Elas já foram criadas por Deus, lá no Jardim do Éden, para a nossa felicidade. Assim, recebemos dEle a vida para participarmos de seus deveres, privilégios e prazeres porque, com essas coisas, podemos também promover o progresso do reino de Deus aqui na Terra.

As coisas comuns e rotineiras da vida têm idêntico valor como as consideradas mais elevadas e importantes, e devem ser realizadas com o mesmo sentido de dignidade, pois elas também contribuem para a nossa felicidade.

Ninguém mais do que Jesus dignificou tanto as coisas simples e comuns. Todas as Suas parábolas têm como ingredientes coisas comuns, simples e humildes, vividas no dia-a-dia das pessoas. Ele apresentou coisas corriqueiras e familiares para revelar os grandes mistérios e realidades do reino dos Céus.

O “comum” é a pedra de toque da lealdade, do amor, do nosso testemunho e da nossa vida cristã. Viver verdadeiramente a vida cristã não é somente quando vamos à igreja, quando oramos, quando louvamos, quando participamos de grandes momentos religiosos com a congregação. Ela envolve também o relacionamento com o cônjuge, com os filhos, isto é, nossa rotina em casa e fora de casa, com os vizinhos, amigos, colegas de estudo e companheiros de trabalho.

É preciso administrar bem as coisas e os momentos comuns do cotidiano, porque assim será mais fácil viver, e a vida se tornará mais rica, prazerosa, alegre e feliz.

REFLEXÃO: Uma simples coisa, um toque apenas e um grande milagre. “Ela pensava assim: Se eu apenas tocar a roupa dEle, ficarei curada” (Mt 9:21, BLH).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: